Comedians

terça-feira, 12 de abril de 2016

[BLEHCAR] Hyundai amplia linha HB20 com opção do motor 1.0 turbo




Nova motorização tem até 105 cavalos de potência e está disponível nas versões hatch e sedã 

Com a ideia de “preencher espaço” entre as versões com motores 1.0 e 1.6 aspirados, a Hyundai apresentou o seu motor 1.0 turbo, que vai equipar versões do HB20 e HB20S. Com até 105 cavalos de potência, ele combina alto desempenho, eficiência energética e acelera de 0 a 100 km/h em 11,2 segundos.

Com início das vendas previsto para o dia 26 de abril, as novas versões têm preços a partir de R$47.445,00 para o HB20 1.0 Turbo Comfort Plus, R$51.595,00 para o HB20 1.0 Turbo Comfort Style, R$51.475,00 para o HB20S 1.0 Turbo Comfort Plus e R$55.225,00 para o HB20S 1.0 Turbo Comfort Style. Essas versões não possuem alterações estéticas em relação as demais – apenas o emblema “Turbo” na tampa do porta-malas.



Primeiro turbo com tecnologia flex de combustível da Hyundai no mundo, o propulsor tem desempenho equivalente a motores com 1.4, 1.5 e, em alguns casos, até mesmo 1.6 litro com consumo de combustível mais eficaz.

Esse novo motor tem três cilindros em linha, 12 válvulas e bloco e cabeçote em alumínio. O comando de válvulas é duplo no cabeçote e variável na admissão – DOHC e CVVT –, sendo controlado por corrente, e o virabrequim está desalinhado em relação aos cilindros, reduzindo o atrito dos pistões em movimento e o consumo de combustível.

Para a versão turbo, a transmissão manual é de seis velocidades. As primeiras marchas são mais longas e o diferencial também foi alongado em 10% em relação ao motor 1.0 aspirado. A embreagem é mais robusta para lidar com o torque maior, tendo agora 215 mm de diâmetro contra os 180 mm anteriores.



As marchas mais longas aproveitam o alto torque disponível em baixa rotação e a sexta marcha entra como sobremarcha (overdrive), para economia de combustível, redução de emissões de poluentes e aumento do conforto acústico nas altas velocidades. Ao viajar a 100 km/h em sexta marcha, por exemplo, o motor gira a 2.650 rpm - rotação que estaria na casa das 3.200 rpm quando limitada à quinta marcha.

Com essas mudanças, a velocidade a 1.000 rpm do motor turbo é 9% a 13% maior do que a versão aspirada, dependendo da marcha, o que significa uma performance melhor em todas as situações, principalmente em baixas rotações.

O HB20 e o HB20S 1.0 Turbo têm nota A no Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE) e possuem também o selo CONPET de eficiência energética.

Veja mais fotos












Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares